Preview: Ironman Brasil Florianópolis!

O Ironman Florianópolis 2015 reunirá, neste domingo, inúmeras feras do esporte, que  brigarão pelos títulos no masculino e feminino.  Os favoritos ao título falaram com a Imprensa e demais atletas nesta sexta-feira, no Clube Doze de Agosto, em Jurerê Internacional, sobre a expectativa para o evento. O Pro Panel contou com participações dos brasileiros Igor Amorelli, atual campeão, Santiago Ascenço, duas vezes vice, e Ariane Monticeli, os norte-americanos Timothy O’Donnell, campeão em 2013, Amanda Stevens, vencedora em 2013, e Haley Chura, o canadense Brent McMahon, o belga Marino Vanhoenacker, a tcheca Lucie Zelenkova, a sueca Asa Lundstrom, e o australiano Paul Mathews. Por ter o status de Campeonato Latino Americano, a prova atraiu ao Brasil desta vez um start list nunca visto antes.

O evento, válido como Campeonato Latino Americano do circuito Ironman, reunirá mais de 2 mil competidores de 36 países, distribuindo 150 mil dólares de pontos no ranking mundial para os atletas da Elite, além de 75 vagas para a Faixa Etária na Mundial Ironman no Havaí, em outubro. A largada será às 6h45 para a Elite masculina, ficando a Elite feminina às 6h50 e a Faixa Etária às 7h. O desafio será de 3.8 km de natação, 180.2 km de ciclismo e 42.2 km de corrida, com tempo limite de 17h para completar esse desafio único.

Favoritos e o que falaram no Pro Panel:

Igor Amorelli (BRA) – Igor é o atual campeão do Ironman Florianópolis e já foi 13º no Mundial no Havaí em 2013. “Primeiro é um prazer competir em Florianópolis. Quanto à questão de ser o atual campeão, acho que não tem tanta pressão em cima, pois tem muitos caras bons por aqui. A preparação foi muito boa e agora é chegar bem no domingo.”

Marino Vanhoenacker (BEL) – 3º colocado no Mundial em Kona 2010, Marino está voltando às competições após um período ausente. Seu ciclismo é um dos mais fortes do mundo e está motivado. “Eu sinto que tenho boas provas ainda para fazer! Voltei a treinar forte e espero chegar perto da vitória no sábado. Brasil é uma das provas que eu queria muito fazer e estou aqui.”

Timothy O´Donnell (EUA) – Campeão do IM Florianópolis em 2013, Tim foi 5º colocado no mesmo ano em Kona e é um dos maiores triatletas de Ironman do mundo na atualidade. “Faz dois anos que vim e esse ano vai ser um evento mais forte. Espero uma grande competição.”

Brent McMahon (CAN) – Fez sua estreia na distância no Ironman Arizona ano passado. Tempo? 7h55min! Sim, este é o menino-prodígio das Longas distâncias e tem tudo para entornar o caldo em Floripa este ano. “Há mais de dez anos estive no Brasil para fazer um evento de triathlon e agora estou na minha segunda prova aqui. Espero fazer um bom papel. Esse é um ótimo lugar para competir e quero me dar bem para garantir vaga em Kona.”

Santiago Ascenço (BRA) – Está mais preparado do que nunca para um Ironman e, motivado por estar em casa, tem tudo para tentar a sonha vitória em Florianópolis. “Esse ano mudei meu início de temporada, alterei a preparação, então eu acho que vou chegar mais no pico do que os outros anos. Ano passado fiz uma boa prova e espero que esse ano seja igual.”

Paul Mathews (AUS) – O australiano é forte nas três disciplinas e este equilíbrio pode ser o fator a seu favor no Brasil. “Estar aqui é sensacional, a atmosfera da cidade é incrível. Espero fazer uma ótima prova no domingo.”

Para ficar de olho entre os homens: Tyler Butterfield.O carismático atleta das Bermudas já foi ciclista profissional e tem justamente no pedal seu ponto forte. Ele já foi 7º colocado no Ironman Havaí e é mais um que se “deixar o martelo cair” no ciclismo poderá surpreender em Florianópolis.

Favoritas e o que falaram no Pro Panel:

Ariane Monticeli (BRA) – Praticamente classificada para o Ironman Havaí, Ariane nunca chegou tão bem preparada e confiante para um Ironman no Brasil. Sua natação e seu ciclismo evoluíram muito, e tem tudo para conquistar sua primeira vitória numa prova de Ironman. “Eu me sinto muito feliz de estar aqui de estar brigando de igual para igual com as meninas! Meu objetivo é me classificar para o Havaí. Senti melhoras na minha natação, estou bem afiada e quero fazer minha melhor prova.”

Amanda Stevens (EUA) –  Grande nadadora e ciclista, Amanda já foi campeã do Ironman Florianópolis em 2013 e conhece muito bem o percurso da prova. “Eu amo Florianópolis e todo o apoio local. Por ser um Campeonato Latino acho que tem tudo para ser muito forte. Eu vim com a minha família e estou me sentindo muito bem, espero fazer uma grande prova.”

Haley Chura (EUA) – Grande nadadora, a jovem Haley Chura foi campeã do Ironman Brasil Fortaleza e conhece bem Florianópolis também. “Eu adoro competir no Brasil, sempre consigo dar o melhor de mim aqui. A energia é muito boa. Estou feliz por ter voltado para Florianópolis, pois teremos um nível muito alto. Espero fazer uma boa prova.”

Luce Zelenkova (CZE) – A experiente checa fez boa prova ano passado em Florianópolis, e liderou o ciclismo por boa parte, até quando tomou uma punição por vácuo – que não concordou – e acabou perdendo o ritmo. “Eu posso dizer que tem muitas meninas fortes por aqui. A prova vai ser difícil.”

Asa Ludstrom (SUE) – Bicampeã do Ironman Suécia, ela não é muito conhecida no Brasil mas é uma das sérias candidatas ao título em Florianópolis. Recentemente foi 4ª colocada no Ironman Melbourne, que contava com um forte start list. “Eu venho treinando muito e acho que vou me adaptar bem as condições daqui. Espero fazer uma ótima prova no domingo.”

Deixe seu comentário

comentários

Redação

The author didnt add any Information to his profile yet