Jogo rápido: Danilo Pimentel, a força do Norte na disputa de uma vaga olímpica

Danilo Pimentel - Foto: Pauta Livre

Hoje ele é um dos principais triatletas do Brasil. Vindo do Pará, Danilo traz consigo a força do Norte do país para disputar uma vaga na equipe de triathlon brasileira que estará presente nos Jogos Olímpicos do ano que vem.

Assistindo os Jogos Olímpicos de 2012, se imaginou que poderia estar lutando por uma vaga para 2016?

Com certeza os Jogos de 2012 foram um grande incentivador. Estive observando que tudo tem seu tempo, pois até aqueles Jogos eu tentei algumas provas, porém o resultado não foi propício e vinha também de um grande período afastado por lesão.

Domingo é o evento-teste do triathlon para os Jogos Olímpicos Rio 2016. Como encara esta oportunidade? 

O evento-teste já diz pelo nome testar o percurso, além de valer muitos pontos no ranking olímpico e com certeza dará um empurrão grande na classificação olímpica, .

A parte de subida na bike virou o grande atrativo do percurso. Você gosta de subidas no ciclismo? Como trabalha esta característica?

Bom, sou um atleta leve e subidas assim deixam a prova mais dura, mas isso não quer dizer que não vou sofrer igual aos meus adversários. Mas para amenizar fiz treinamentos em subidas parecidas, além de ter ido ver o percurso, porém, muitos estão esquecendo que após uma subida vem uma descida. Esta sim acho que é decisiva, por ser um pouco técnica e já vir afogado da subida.

Qual sua programação até o final do ano? O Mundial Militar está entre suas prioridades?

Estarei ainda este ano indo a Edmonton e Chicago, ambas provas de muitos pontos no Ranking Olímpico; o Mundial Militar é um dos grandes eventos que sempre tive sonho de estar presente, pois em 2011 só ouvíamos falar dos  atletas que estariam, então acho que agora chegou a minha vez e quero fazer um grande Mundial, pra ficar na história dos militares e do povo brasileiro.

Queria agradecer a CBTri por toda estrutura que me proporciona de treinos e viagens, além da Força Aérea Brasileira, que tenho orgulho de ser Sargento na mesma, além dos apoiadores, Vitafor, Asics e agradecer também a Fabel pela oportunidade de ser o embaixador do projeto “autismo também é capaz”, proporcionando igualdade aos autistas na sociedade. E também agradecer imensamente a Deus por tudo que vem acontecendo na minha vida e carreira.

Deixe seu comentário

comentários

Redação

The author didnt add any Information to his profile yet